62894388 @elapensatambem: Maio 2016

recent posts

22 de mai de 2016

Desculpas


Desculpa pelas palavras ditas em momentos de emoções.

Desculpa pelas inúmeras vezes que eu disse “para sempre”.

Desculpa pelos sonhos que sonhei e compartilhei.

Desculpa por tentar eternizar nossos momentos.

Desculpa pela intenção de nunca te deixar.

Desculpa pelas promessas que não consegui cumprir.

Desculpa por ter pensado que era real.

Desculpa por não entender que a vida e o tempo são mutáveis.

Desculpa pela minha efemeridade.

Desculpa por não compreender o Amor.

14 de mai de 2016

Meu passeio ao Centro Histórico de Petrópolis.



Hello people! Como vocês estão? Prontos, para mais uma dica de passeio?
Hoje vim compartilhar com vocês a minha experiência com a cidade história, Petrópolis.
Sai bem cedo de casa, pois Petrópolis é distante do local que moro, a viagem por si só é magnífica, pois a Serra Fluminense nos proporciona belas paisagens. Tudo muda, tudo fica verde, o ar é mil vezes melhor.
Petrópolis para mim foi uma experiência maravilhosa, uma cidade com vários atrativos, cheia de pequenos lugares para conhecer e é claro possui arquitetura deslumbrante que te encanta durante a caminha pela cidade.
Assim que chegamos à Rodoviária Governador Leonel Brizola pegamos um panfleto turístico, esse informativo possui uma lista dos principais pontos turísticos da cidade, e com o mapa nas mãos seguimos em frente...


O primeiro lugar que fomos visitar foi à Casa de Santos Dumont, lá podemos conhecer um pouco mais sobre a vida de Santos Dumont e alguns dos seus objetos pessoais. Lá da casa dá para observar o Relógio das Flores, pena que a época em que fui não estava muito bonito. Na visitação podemos ver objetos pessoais usados por Santos Dumont e um pouco mais a sua vida.

Maquete do avião 14 bis.

Palácio Amarelo, local onde atualmente funciona a Câmara Municipal da cidade, mais um imóvel de arquitetura deslumbrante.


A visita ao Museu Imperial foi recheada de muitas surpresas, gostei de tudo, saber sobre a vida de Dom Pedro e a sua família, os objetos utilizados naquela época, os móveis daquele século, trajes, várias curiosidades e coisas até engraçadas. Tive muita sorte ao entrar junto de um grupo pequeno de estudantes assim aproveitamos toda a explicação que foi dada ao grupo.



Posso dizer que o Palácio de Cristal é esteticamente lindo, mas não é tão atrativo para uma simples visita, vale a pena conhecer, mas não coloque muita expectativa. Tenho que ressaltar que o espaço foi criado para outros fins, como por exemplo, feiras culturais. Percebi também que a beleza desse palácio pode ser mais bem apreciada pela noite, a cidade com certeza tem outro encanto à noite.


Eu fui cheia de expectativas para conhecer o Parque Natural Municipal de Petrópolis, infelizmente o local não estava muito adequado para visitação. Faltava manutenção, conservação, ainda assim apreciei um pouco do lugar.


Além desses pontos existem outros locais abertos para visitação, como o Museu de Cera, eu ainda não o conheço, o que significa que terei que voltar a Petrópolis para essa e outras visitas. Fis toda a visitação a pé mesmo e foi bem divertido para mim.

Até o próximo passeio.

http://www.petropolis.rj.gov.br

Local: Centro Histórico de Petrópolis.
Saída: Terminal Rodoviário de Nova Iguaçu, 07h da manhã. Ônibus: Única Fácil
Chegada: Rodoviária Governador Leonel Brizola, Petrópolis, 09h da manhã.

Foi necessário pegar mais um ônibus para o Centro Histórico de Petrópolis.

2 de mai de 2016

Dica de Noiva: Projeto Suculentas - Lembrancinha.


Hello People!! Hoje mostro para vocês como fiz a uma lembrancinha de convidados utilizando suculentas.


Eu escolhi um vasinho de plástico simples, desses que você encontra em qualquer loja de artigos de festa ou de jardinagem. A escolha do vaso, a forma como você irá decorá-lo ou as cores, dependerá da ornamentação da sua festa. Eu fiz aqui uma composição com dourado, bem simples mesmo, pois se trata de um casamento em um sítio que acontecerá de tarde para noite. Vamos então ao passo a passo!

Primeiro eu pintei o meu vasinho de dourado com color jet:

Coloquei alguns pedacinhos de tijolo no fundo do vaso para drenar a água, os pedacinhos de tijolo é importante pois ajuda a manter a umidade da terra . Ah você pode usar pedaços de telha colonial também.
Logo em seguida eu ornamentei o meu vasinho com fita de organza, uma pétala de flor desidratada e uma simples pérola no centro.

Coloquei a terra e plantei a suculenta, para dar acabamento usei um musgo de decoração e para finalizar fiz uma tag, com a frase: Regue com amor.

Aqui deixo outra dica, para o uso das suculentas, nesse caso para uma festa mais informal, ou para a decoração da sua casa mesmo:

Espero que tenham gostado da ideia, em breve posto a lembrancinha com outra espécie de suculenta.

Ah descobri o nome da minha suculenta, se chama Mãe de Milhões ou Kalanchoe Daigremontiana, assim que souber mais falo um pouco do cultivo dessa plantinha.

Veja como tudo começou: Dica de Noiva: Projeto Suculenta.